Capanema - Sudoeste do Paraná     
 

Capanema   |  Empregos   |   segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Prefeita Lindamir pede agilidade na contratação de trabalhadores para Usina Baixo Iguaçu

A prefeita de Capanema, Lindamir Denardin (PSDB), o vice-prefeito Valter José Steffen (PDT), o procurador jurídico Álvaro Skiba, o engenheiro Rubens de Souza e a chefe da Agência do Trabalhador, Veranice Melo, visitaram as obras da Usina Hidrelétrica Baixo Iguaçu, na Linha Marechal Lott, no dia 18, e se reunirem com o diretor de contratos Luiz Fernando Rauhan e com o gerente administrativo financeiro Rodrigo Larralde, da Odebrecht, empresa responsável pela execução da obra.

De acordo com a prefeita, dois assuntos fizeram parte da pauta: a contratação de pessoal e as contrapartidas para o município. "A nossa visita ao canteiro de obras teve neste momento dois objetivos, o primeiro a solicitação para que a empresa agilize a contratação de trabalhadores de Capanema, pois muitos daqueles que já trabalhavam e que foram desligados quando da paralisação da obra ainda não foram recontratados e encontram-se em uma situação muito difícil, e o segundo assunto foram algumas contrapartidas que queremos da empresa para obras que se fazem necessárias em função do aumento da demanda dos serviços públicos com o aumento da população em função do empreendimento", afirmou.

Contratações em fevereiro

Durante a reunião, os representantes da empresa informaram que mesmo que a liberação para retomada da obra tenha ocorrido no final de novembro de 2015, as contratações de um maior número de trabalhadores só iniciaram em fevereiro devido à necessidade de organização para a volta das atividades, e que as primeiras contratações realizadas foram para cargos como encarregados e diretores de departamentos, que requerem um conhecimento maior da função.

A partir de agora serão chamados os trabalhadores para as demais funções e a previsão de contratação para o mês de março é de mais de 500 funcionários, com preferência para os moradores do município, em especial aqueles que já estavam trabalhando quando a obra foi paralisada.

Com relação às contrapartidas, a empresa se comprometeu a manter uma discussão junto à administração municipal para amenizar os impactos sociais gerados pelo empreendimento.

Ao final da reunião a prefeita Lindamir comentou que "com certeza saí mais tranquila, principalmente no que se refere à contratação de trabalhadores, pois sei das dificuldades que muitas famílias estão vivendo, sabemos que o desemprego não é uma questão apenas de Capanema, o Brasil passa por uma situação muito complicada, mas a retomada da obra e das contratações com certeza será um diferencial para nós".

Fonte: Jornal de Beltrão

 



Veja também

10/02/2016 
Operação comercial da Usina baixo Iguaçu é adiada para 2018
04/02/2016 
Prefeita de Capanema garante manutenção da Casa Familiar Rural
06/01/2016 
Conta de luz deve subir até 15 por cento em 2016
23/12/2015 
Dez armas são apreendidas durante Operação Natal Seguro
19/11/2015 
Deputados participam da abertura dos eventos de verão
 

 

 
Publicidade
Publicidade
Menu Sudoeste Online
»  Últimas Notícias
»  Galerias de Fotos
»  Agenda de Eventos
»  Guia de Empresas e Negócios
»  Guia de Imóveis
»  Guia de Empregos
 
»  Prefeitura Municipal
»  Câmara de Vereadores
»  Associação Comercial e Empresarial
 
»  Contato
»  Anuncie
Sobre Capanema
»  Aspectos Gerais
»  História
»  Indicadores
»  Símbolos e Hino
»  Fotos do Município


Central de Atendimento

(46) 3536-5397


comercial@sudoesteonline.com.br